29 de jun de 2011

UMA VERTICAL DOS NEOZELANDESES “SOPHIA”

Conforme prometido meu post de hoje trará para vocês minha avaliação e comentários da vertical dos deliciosos “Sophia” cortes bordaleses produzidos pela Craggy Range que nos apresentou seus vinhos no evento organizado pela sua importadora “Decanter” nesta última segunda feira.
                                                                Terry Peabody Jr.
A Craggy Range tem a preocupação em buscar o melhor resultado positivo no trato de suas variedades e terroirs, para tanto tem seus principais vinhedos em Martinborough ( Te Muna Vineyard) onde pelo clima frio produz seis Pinot Noir, Sauvignon Blanc e Riesling, e em Hawkes Bay, no Gimblett Gravels Vineyard, de clima mais quente, onde a Merlot, a Cabernet Franc, Cabernet Sauvignon, e a Syrah se adaptaram melhor devido a semelhança de clima com a região de Bordeaux. E desta região que vem os “Sophia” que descreverei a seguir:



Sophia 2004 – Corte de 92% de Merlot, 7% Cab Franc, e 1% Cab Sauvignon.13,9% de álcool, e maturação de 20 meses em barricas francesas, sendo 70% de primeiro uso. – Rubi, alta concentração, sem halo. Olfativamente complexo, com predominância frutada, cereja, floral, rosa, toque de sândalo, couro, e tostado lembrando café. Na boca tripé correto, boa estrutura, persistência longa e retrogosto frutado, cereja e chocolate. Um vinho de guarda mas já pronto para tomar. NOTA 91/100



Sophia 2005 – Corte de 64% de Merlot, 34% Cab Franc, e 4% Cab Sauvignon.14,1% de álcool, e maturação de 19 meses em barricas francesas, sendo 80% de primeiro uso. – Violáceo, alta concentração, sem halo. Muito complexo, cereja preta no licor, ameixa, especiarias, mineral, chá, tabaco, e tostado agradável. Na boca ótima acidez, taninos firmes e finos, bom corpo e persistência, retrogosto frutado com toque de alcaçuz. Vinho de altíssima qaulidade, de ano mais fresco, onde a Cab Franc mostra toda sua categoria, gastronômico , elegante, uma delicia. NOTA 92/100




Sophia 2006 – Corte de 85% de Merlot, 10% Cab Franc, e 5% Cab Sauvignon.14,5% de álcool, e maturação de 18 meses em barricas francesas, sendo 50% de primeiro uso. – Violáceo, boa concentração, sem halo.Frutas vermelhas em compota, especiarias, toque herbáceo, e baunilha. Na boca bom balanço de boca , quente, taninos presentes, suculento, persistência longa e retrogosto frutado, toque ligeiramente adocicado. Certamente um ano mais quente que deixou o vinho mais alcoólico . NOTA 88/100



Sophia 2007 – Corte de 81% de Merlot, 10 % Cab Franc, 7% Cab Sauvignon, e 2% de Malbec. 14,5% de álcool, e maturação de 18 meses em barricas francesas, sendo 50% de primeiro uso. – Violáceo, média concentração, sem halo. Olfativamente agradável, frutas negras maduras, cassis,, toque de iodo, terroso, floral lembrando violetas , e defumado.Na boca tripé correto, elegante, corpo médio, persistência longa, retrogosto frutado. Vinho com excelente acidez, pois não dá para sentir os 14,5% de álcool, muito elegante . NOTA90/100



Sophia 2008 – Corte de 89% de Merlot, 1 % Cab Franc, 8% Cab Sauvignon, e 2% Malbec.14,4% de álcool, e maturação de 18 meses em barricas francesas, sendo 52 % de primeiro uso. – Rubi, alta concentração, leve halo. Complexo, cereja madura, melaço, pétalas de rosas, especiarias, especiarias, pimenta, e baunilha. Na boca, musculoso, tripé correto, persistência longa e retrogosto frutado. Um jovem com muita personalidade e pronto para beber NOAT 89/100





Atualmente a Decanter tem disponível apenas a safra 2006, mas promete para breve a de 2007. O Sophia é vendido a R$ 198,00 a garrafa



Importadora DECANTER - Rua Joaquim Floriano, 838 - www.decanter.com.br



Assessoria - ProPop Comunicação e Marketing Ltda – www.propop.com.

Um comentário:

  1. Amigo Tommasi, dificil termos vinhos de uma vinícola tão bons em quantidade e qualidade.
    Eu, preferi o Sophia 2004, mas De gustibus non disputandum est (gosto não se discute)...

    ResponderExcluir